FLAGCOUNTER DE ALÔ VIDEOSFERA - LINK IN

LITURGIA DIÁRIA COM O PADRE RÓGER ARAÚJO - 2017 - ANO A - REPÓRTER CATÓLICO - VALDIVINO FILHO

LITURGIA DIÁRIA COM O PADRE RÓGER ARAÚJO - 2017   - ANO A - REPÓRTER CATÓLICO - VALDIVINO FILHO
CLIQUE NA IMAGEM PARA ACESSAR A LITURGIA

segunda-feira

Mensagem de Nossa Senhora em texto - 28/03/2013

VALE DA IMACULADA CONCEIÇÃO
Piedade dos Gerais-MG

Quinta-feira Santa
Queridos filhos!
É uma bênção, hoje, nesta Quinta-feira Santa, vivenciarmos a beleza de Jesus na Santa Eucaristia.
Hoje, é um dia de adoração a Jesus, e neste momento, cada um, no silêncio do seu coração, com muito amor, fé e respeito vai adorar Jesus. No silêncio vamos ofertar a Jesus os nossos corações. Ao ofertar o seu coração para Jesus, peça a Ele que cure o seu coração; que traga a cura completa e que te livre de todos os maus pensamentos. Quantas vezes o seu pensamento é tão malicioso! Entregue os olhos; quantas vezes que você só consegue enxergar a dor, a tristeza e o sofrimento. Entregue os seus ouvidos; quantas vezes você não sabe escutar aquilo que é bom, se envolvendo com sofrimento e julgamentos. Vamos consagrar a Deus também, a nossa língua, para que ela proclame a Misericórdia de Deus e se afaste de todas as palavras más e inconvenientes, de julgamentos e perseguições.
Quando Jesus lavou os pés dos seus discípulos e apóstolos, Ele mostrou que para lavar estes pés precisou da água, mas para lavar os corações Ele derramou Sangue. Temos a maior de todas as riquezas, que é a Eucaristia. É um privilégio saber que em cada momento da Eucaristia Jesus Cristo se faz presente. Em cada momento, filhos.
Isso é muito bonito! É uma constituição maravilhosa, porque vemos que a Igreja é viva. Ela não é o passado, ela não é o futuro, ela é o presente. Por que o presente? Porque, Jesus, deixou nas mãos de seus discípulos e apóstolos a graça desta linda transformação.
Às vezes, os homens que não tem catequese se surpreendem com a força que tem a Igreja Católica; mesmo diante das dificuldades, das fragilidades dos homens – porque eles são pecadores. Mas o homem sempre tem aquele pensamento: ‘Por que a Igreja tem o poder de unir?’ Porque a Igreja é Jesus, é Corpo vivo, e a unção do Espírito Santo é muito forte; a presença do amor do Pai é muito grande sobre a Igreja. Por isso, que neste Ano da Fé, vocês vivenciaram o sofrimento revestido pela alegria, mas por uma alegria que nos fez permanecer em oração.
Sabemos que o homem não está preparado para combater as armadilhas do demônio – que são muitas. O que o demônio quer? Ele quer que o homem se envolva cada vez mais com o pecado. Então, tudo parece permitido. O homem não sabe olhar as coisas e respeitar ao Pai Criador; a Misericórdia de Jesus, o Salvador; e a presença do Espírito Santo, Santificador. Mas, sabemos que o poder de Deus é maior do que a fraqueza dos homens.
Jesus, quando fez Aquela Ceia, chamou os discípulos, se colocou perto deles, pegou aquele pão – alimento do dia a dia –, aquele vinho que também fazia parte da Ceia, da unidade, da união; e Ele disse: “Eu sou o Pão Vivo que desceu dos Céus!” Que palavra linda: “Eu sou o Pão Vivo”; Ele transformou aquele Pão, Ele transformou aquele Vinho.
Hoje, nós celebramos esta transformação. E hoje, quando vocês participarem da Eucaristia – no momento da transformação – vocês vão lembrar que a Mãe, ensinou que é o momento da presença Viva de Jesus naquele instante. Por isso, é importante orar pela Igreja, pelos sacerdotes, pelos missionários; porque eles podem ter as suas fraquezas, mas eles têm uma fortaleza maior: as mãos abençoadas, para dar O Alimento ao homem sedento do pão e sedento do Sangue do Cordeiro de Deus. A necessidade que o mundo tem do Cordeiro de Deus é muito grande.
Estamos vivenciando um tempo de grandes mudanças, de grandes transformações, de muita esperança; porque a fé é a chama da esperança. Você pode estar com uma enfermidade, com uma dificuldade material, com um sofrimento espiritual, mas quando você tem fé significa que você tem confiança em Deus. Então, acenda uma chama! Este ano é o ano da chama.
Jesus disse que é o Ano da Justiça e que Ele não vai esperar mais. Quem quer ser de Deus vai ser de Deus, e quem quer, infelizmente, seguir o caminho largo que siga. Você tem liberdade de escolha, tem o catecismo para saber escolher. O Céu está mostrando: “Olha, o caminho largo, pode ter muitas coisas atraentes para os olhos, mas fazem você perder a alma. O caminho estreito pode ter muito sofrimento para a carne, – porque quando você segue a Deus você sofre muito –, mas te leva a salvar a sua alma!”. Então a escolha é sua. Deus não vai te obrigar, mas Ele vai te catequizar. É o Ano da Fé, é o Ano dos Jovens, é o Ano da Boa Vontade, é o ano da mudança, da transformação, de fazer como Jesus pediu: “Não peques mais!” Olhe adiante, olhe para Jesus, olhe para o Santíssimo Sacramento, olhe a presença dos anjos, a presença dos Santos, olha a proteção celestial. O Céu está no meio de nós! O Céu se faz presente na terra. O catecismo do Céu cai sobre o mundo.
A manifestação do poder de Deus encanta os homens na terra. Por isso, os homens que vem à fonte, retornam. O homem que vem novamente buscar a água, e receber o alimento da alma, vem receber; porque a alma se encanta. O alimento do Céu encanta a nossa alma!
É o que aconteceu com Jesus; ceando com os discípulos encantou a alma dos discípulos, porque os discípulos não estavam preparados para a grande hora, para o momento de Jesus entregar-se naquela cruz. Eles ainda não tinham preparação.
É o que Jesus fala conosco no dia de hoje. Às vezes você está orando, você está fazendo a sua parte como cristão, mas ainda não está forte, está deixando o demônio zombar de você com a fragilidade humana. É o que aconteceu com os discípulos: entregaram Jesus, negaram a Jesus; porque eles ainda não estavam fortes. Por isso, Jesus lavou os pés. No símbolo de lavar esses pés, Ele mostrou que precisava lavar a alma; porque a nossa alma e o nosso coração precisa tornar-se um Sacrário, um Santuário.
Quando Jesus fala de ‘santuário’, – às vezes, as pessoas questionam muito a palavra: “santuário”, porque ela é muito forte – Santuário é algo santo! E o que Jesus Cristo quer santo? O coração. O nosso coração precisa ser esse sacrário, esse santuário, aonde Ele habite e reine para sempre. Amém.
Precisamos desta catequese, porque a vivência que Jesus fez com os discípulos, Ele continua fazendo conosco; na vida do Santo Padre, na vida da Santa Igreja, na vida do Santo Clero, na vida das almas religiosas, nas famílias sagradas... As famílias também são santas; vivem um sacramento e precisa viver esse sacramento com amor. Você é feliz quando vive um sacramento, porque a sua alma se alegra na graça de Deus, na sua fidelidade.
Jesus nos coloca diante desta luz para que a possamos saborear este dia santo conscientes de que a Palavra de Deus é vida plena, Ela não passa, Ela permanece. Tem muitas coisas que são mistérios, que ainda não nos cabe conhecer, mas Deus tem providenciado para o nosso coração a sabedoria do entendimento e do discernimento. Então, cada um, no silêncio do seu coração vai pedir a Jesus que você seja um santuário, um sacrário digno e merecedor de Jesus Eucarístico.
Com grande alegria, eu vou abençoar todos os filhos.
Neste momento Nossa Senhora abençoa a todos, enquanto cantam: “Dai-nos a bênção...”
Queridos filhos!
Eu abençoei carinhosamente todos os filhos. Fiquei muito feliz com a união de vocês, com este momento de oração.
Jesus alegra a nossa alma mostrando que Ele é o Alimento Vivo, Ele é o Pão Vivo que desceu do Céu e habitou no meio de nós. Por isso, a presença de Jesus na nossa vida é real, é grandiosa, é tão importante e faz o mundo ser diferente. Quando você sente a presença de Cristo no seu coração, o seu coração enche de alegria, e você se torna um filho de Deus abençoado.
Que todos vocês permaneçam na paz! Principalmente os filhos que vieram vivenciar a Semana Santa em adoração a Jesus.
Que a bênção do Pai, do Filho e do Divino Espírito Santo esteja no meio de nós, e no coração de todos os aniversariantes, peregrinos e romeiros aqui presentes.
A quem me ofertou as flores mais belas e lindas, eu quero ofertar o meu Coração.
O Céu me chama e eis aqui a Serva de Deus.

Créditos:

Website: Aparições Nossa Senhora de Piedade
Porta Voz: Marilda Santana

MARCADORES - INDICE DOS ARQUIVOS



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

OBRIGADA PELA VISITA. VOLTE SEMPRE!

OBRIGADA PELA VISITA. VOLTE SEMPRE!